iemonja

Dofonitinha de Yemanja. 

Motumba…Estou precisando de um conselho,primeiro não quero falar mal da minha roça, ou ilê ou até mesmo do meu pai de santo, Eu me afastei do meu ilê pq não concordava com algumas coisas tipo:cargo antes dos setes anos…a pessoa que herdou o cargo não está apta aquilo ali,tive vários problemas com “essas pessoas que herdaram o cargo” eu me afastei,não somente eu como vários irmãos, eu fiz oque me coração disse,não abandonei Yemanja que ja está dentro de mim ha 4anos,hoje vivo no receio do meu pai de santo desmontar meu santo, pago minha mensalidade mesmo estando afastada..estou passando por varias dificuldades tanto financeira e de saúde e juro detesto ouvir que é culpa do meu santo, até pq fui eu que não cuidei da minha saúde e não administrei meu dinheiro…
Estou errada? Posso estar apanhando? No meu ile prevalece as quizilas,elas não são quebradas como por exemplo eu não como peixe,etc…eu não desrespeitei nada disso… AFF desculpas a falta de pontuação estou extremamente nervosa.

andreiacamargo2

Sacerdotisa Andreia Camargo responde:

Motumba l’asè dofonitinha.

Muitas vezes acontece do vodum, orixá, Nkice do sacerdote dar o cargo a determinado filho da casa ou a um determinado vodúnsi amigo e acontece que muitos desses não terem ainda sete anos pago, isso não é um problema visto que o cargo foi dado pelo sagrado. Não é uma regra ter que ter cargo somente apos sete anos, você pode exercer cargos antes dos sete anos na sua roça se assim o sacerdote através do jogo de búzios ver que o vodum da casa assim indicou. Em outros casos é o próprio sacerdote a escolher, mas creio que hoje muitos sacerdotes estão visando a parte financeira e esquecem do lado espiritual, da essência maior que é a humildade e o amor pelo sacerdócio. Não sei se esse é o caso de seu sacerdote. Dofonitinha você poderia está mais concentrada no seu sagrado, a casa do santo hoje se transformou numa disputa constante, coloque sua concentração no seu sagrado, faça a sua parte você está ali para cultuar seus deuses e não pessoas, muitas vezes afrontar decisões do sacerdote acabam dessa forma em quizilas, quanto o temor de seu sacerdote desfazer seu orixá, lembre-se seu orixá está no seu Tá (cabeça), o ibá é o simbolismo do sagrado, o principal acompanha você, porque eu costumo sempre dizer que cada vodúnsi, omorixa ou muzenza são um ibá em vida. O resto é apenas simbolismo e representatividade do sagrado. Você me pergunta se está apanhando do orixá, eu respondo que você como ser humano ira passar por problemas como todo mundo, o orixá não tem culpa da suas falhas psicológicas e de suas perdas nas suas batalhas cotidiana, o grande problema das pessoas é dar poder a quem não deveria dar, comece a se preocupar com a sua vida e esqueça aquilo que lhe faz mal, você não é obrigada a estar em nenhum lugar se isso lhe faz mal, qualquer coisa que escraviza não serve para ninguém, e lembre-se para onde você for, não de poder a quem lhe faz mal, dentro de uma roça de santo se concentre em cuidar de seu sagrado, faça a sua parte e tenha fé que o resto cuida os voduns, orixás e Nkices eles tem poder para ajeitar tudo na hora certa, quanto a sua parte emocional, não fique nervosa, respire profundo, avalie bem sua decisão de ter se afastado da casa do seu santo, tente conversar com seu sacerdote em particular, caso já tenha feito e não teve uma boa solução, lembre-se você tem o poder total de sua vida, é você quem decide o que é melhor para você e volto a dizer, não se preocupe com outras pessoas, preocupe-se com você mesma, é preciso que você entenda que você está na casa do seu santo para cultua-lo e reverencia-lo, é a seu orixá que você deve dar poder. Comece agradecendo o pouco que você tem, o teto que está lhe cobrindo do frio, a comida que está no seu prato e a sua saúde porque existem doenças e Doenças, se você está andando e consegue se locomover sem ajuda de ninguém então agradeça porque quanto mais você agradece o que tem mais as coisas melhoram. Força minha querida não desanime e pare de chorar suas mágoas e vai a luta porque quanto mais você chora a vida mais a negatividade entra no seu destino, levante seu itá e diga fortemente: “Eu sou uma vitoriosa e minha vida é maravilhosa.” Diga isso com convicção e tudo começara a se transformar para você para melhor.

O Rei Dan é vivo

Dangbe Gbenoi.

 

 

 

Anúncios