Tags

correio

obaluae

Mukui mãe Andreia Camargo
Sou Equedi Marcia de Kavuno
nação Angola
Resolvi escrever para desabafar a minha revolta com o comportamento de alguns pais de santo e mães de santo que na sala de candomblé enquanto os santos estão na terra percebo muitos pais de santo de bate-papo, rindo e não dando a minima para os santos em terra como se tivessem numa festa mundana o sagrado não é respeitado e sem falar nos filhos que fazem o que querem sem o menor respeito pelo sagrado. Ja vi equedis com yaos de gargalhadas na cozinha falando de sexo enquanto o santo dançava na sala. O que está acontecendo com a nossa religião? meus respeitos mãe Andreia e desculpe pelo desabafo.

sofo

Sofo Andreia Camargo responde:
Mukui no Zâmbi – Mukui Makota
Compreendo seu desabafo e condivido minha indignação pela falta de respeito ao sagrado a unica coisa que você errou em dizer que isso é novidade, acontecia também no passado essas coisas, só que antigamente não tinha youtube, nem redes sociais para mostrar o carnaval que acontecia. Essas coisas perpétua de pais para filhos, se você tiver uma boa criação espiritual, obviamente será uma excelente sacerdotisa ou sacerdote, mas se a bagunça é recíproca a coisa fica feia, se eles não tem respeito pelo sagrado é lamentável, mas tenho certeza que essas casas não duram muito ao longo dos anos, o proprio vodun/orisha/inkice,  fecham essas casas, a unica coisa que posso te dizer ignore, evite esses tipos de casa, não dê ibope a quem não merece. Boa romaria faz quem em sua casa fica em paz. Muito bom seu desabafo nos fazem refletir como algumas pessoas tratam o seu sagrado. Infelizmente por causa dessas coisas as pessoas que não são da nossa religião generalisa e acha que candomblé é essa bagunça. Julgando todos por uma minoria. Precisamos destacar que existem verdadeiros sacerdotes e sacerdotisas empenhados no sagrado e em dar respeito e exigir dos demais. Salve o rei Dan, que ele tenha misericórdia.

Dangbe Gbenoe

vanni.camargo@gmail.com


hipnoseandreiacamargo.jpg

Anúncios